Chile Turismo, onde ir, o que comer, dicas para Aproveitar ao Máximo

El Yeso

El Yeso é um reservatório localizado nos Andes, na Região Metropolitana de Santiago, Chile

Se você está programando uma viagem para o Chile e não conhece muito sobre esse país, possivelmente está meio perdido e não sabe bem por onde começar, não é mesmo?!

Pois bem, o que você precisa saber é que a seguir vamos falar um pouco mais sobre o Chile, seus pontos turísticos, dicas de viagem, culinária, cultura e muitos outros detalhes.

Para começar, vamos conhecer um pouco mais sobre o país.

Pois bem, o Chile tem uma população de mais de 5 milhões de habitantes e sua capital é Santiago, que é uma das cidades mais conhecidas do mundo todo quando se fala em turismo, especialmente para os brasileiros.

A cidade fica em um grande vale e de lá é possível avistar ao fundo a Cordilheira dos Andes.

Além da possibilidade de explorar o que a cidade oferece, com uma excelente infraestrutura turística, ainda é possível desloca-se para outros destinos para visitar vinícolas, parques, estações de ski e belezas naturais únicas.

O fato é que o que não falta é diversão e atrações turísticas para quem vai visitar o Chile, que oferece opções de passeios para todos os tipos de viajantes.

Então, se você está interessado e quer saber um pouco mais sobre o Chile e todos os seus atrativos, continue lendo e vamos descobrir tudo!

Quando ir

Relógio da Flores

Relógio da Flores

O Chile é um país “alto e magro” que costeia quase toda a lateral do nosso mapa da América do Sul, partindo do ponto mais ao sul na Argentina e subindo até a fazer fronteira com a Bolívia e o Peru.

É por isso que podemos encontrar os mais variados climas no país e vamos considerar esse tópico aqui pensando em Santiago, a capital do país, ok?

Então, se o que você está buscando é neve e muito frio, fique sabendo que a melhor época para conhecer Santiago é do final de maio até setembro.

Nessa época é possível praticar esportes de neve, como o ski.

Vale lembrar que até o mês de julho, mais ou menos, o frio é bastante suportável, sendo possível usar até um casaco fino durante os dias de mais sol.

No entanto, o clima pode mudar muito com a chegada da noite, alcançando temperaturas negativas.

Além disso, o inverno é a época em que as chuvas tendem a ser mais frequentes. Por isso, quando a chuva chegar, corra para um mirante mais próximo e aproveite que o céu vai estar limpo, visto que a cidade tem uma neblina intensa por causa da poluição.

Já de outubro a janeiro é a época e temperaturas mais agradáveis e flores. É também quando as vinícolas estão florescendo, o que deixa é ideal para uma visita.

Em fevereiro, por sua vez, é a época da colheita das uvas e várias vinícolas organizam passeios nos quais os visitantes podem ajudar a colher a fruta e até esmagá-la com as pés. O país fica em festa!

Como chegar

Para chegar até Santiago é simples e, saindo do Brasil, tem voos diretos para a capital do Chile, com duração de 4 horas. A dica é escolher um voo que ocorra de manhã e sentar na janela do lado esquerdo do avião, pois a vista das cordilheiras é de tirar o fôlego.

Dentre as companhias aéreas que fazem esse trajeto do Brasil par Santiago, podemos citar a Latam, a Gol e a Aerolíneas Argentinas.

Para quem vai da Argentina ou de países vizinhos, existe ainda a possibilidade de ir de ônibus apreciando o trajeto pelas Cordilheiras, tal como o que sai de Mendoça, na Argentina, e vai direto para Santiago.

O que fazer

Puerto Vras

Puerto Varas é uma cidade da região de Los Lagos, no sul do Chile

Como já foi dito, o Chile é um país bem grande e tem uma grande variedade de opções de passeios com diversos focos, ou seja, é possível encontrar desde destinos de aventura até destinos de compras.

Então, considerando a capital do país, veja algumas dicas do que fazer por lá:

  • Centro histórico de Santiago: conheça o Palácio de la Moneda, Plaza de Armas, Museo Belas Artes, Passeo Bandera e Torre Entel. No palácio da Moeda, em alguns dias da semana, ocorre a troca da guarda, que é uma atração bem interessante.
  • Esquiar e neve: nesses casos, vá conhecer La Parva, Farellones, El Colorado, Valle Nevado e Cajon Del Maipo.
  • Parques: para quem gosta de passeios ao ar livre, a dica é conhecer o Cerro Santa Lúcia, o Cerro San Cristobal (onde a subida ocorre no funicular, uma espécie de bondinho que até o papa já usou), Parque Forestal e o Parque Bicentenário.
  • Mirantes: para quem quer ter uma vista privilegiada da cidade, a dica é conhecer o Sky Costanera e o Cerro San Cristobal.
  • Ruas bonitas: rua Nueva York, Rua Paris com Londres e o Passeo Adriana Cousiño.
  • Bairros legais: Lastarria, Itália, Yungay e Cités.
  • Lugares inusitados: parque de diversão Fantasilandia e Museo a Cielo Abierto.

Onde ficar

Se tem uma coisa que é interessante em Santiago do Chile é a variedade de bairros legais e interessantes para ficar. Então, vamos conhecer alguns deles logo a seguir:

  • Centro de Santiago: uma boa dica para quem vai pela primeira vez é ficar no centro que é um lugar histórico e bonito, bem perto do metro. Lá existem hotéis e hostels para todos os gostos.
  • Providência: um dos melhores bairros para se hospedar, Providencia reúne um público mais jovem e fica perto do Shopping Costanera e muitos restaurantes.
  • Bellavista: outro bairro bastante turístico, em Bellavista é possível encontrar o Pátio Bellavista e bares de rua e até baladas, sendo excelente para quem quer agito.
  • Lastarria: integrante do centro de Santiago, esse bairro é mais hispter e boêmio. Lá você encontrará muitas lojinhas, bons restaurantes e bistrôs além de ser perto do cerro Santa Lúcia.

O que comer

Pois bem, sempre que vamos a um país diferente surge aquela dúvida sobre a culinária, afinal, nem sempre é fácil se adaptar. No entanto, experimentar os pratos locais é uma ótima experiencia para uma imersão na cultura local.

Prato Tipico do Chile

Prato Tipico do Chile

Então, veja algumas dicas que coisas que você deve experimentar por lá:

  • Calzones rotos
  • Centolla
  • Chicha
  • Chocolate Super 8 e Sauhn-Nuss
  • Chorrillanas
  • Completo com palta
  • Empanadas assadas do forno a lenha
  • Machas a la Parmesana
  • Medonzinos
  • Mote con huesillos
  • Pan de Huevo
  • Pastel de choclo
  • Pepino Dulce
  • Suco de framboesa das barraquinhas
  • Terremoto

Vale lembrar que muitos pratos por lá levam abacate e não é nada incomum encontrar o pancho (cachorro quente local) ou sanduíches com a fruta dentro.

Pontos Turísticos

Ilha de Páscoa

A Ilha de Páscoa é uma ilha da Polinésia oriental, localizada no sul do Oceano Pacífico

Que o Chile é um destino incrível e apaixonante ninguém duvida. No entanto, na hora de montar o seu roteiro podem surgir algumas dúvidas a respeito de quais pontos turísticos visitar, não é mesmo?!

Então, veja algumas dicas:

  • Plaza de Armas: o marco zero da capital, a praça é cercada por importantes prédios históricos e monumentos.
  • Mercado Central de Santiago: esse local é parada obrigatória para quem vai ao Chile, sendo um ótimo destino para a compra de lembrancinhas e experimentar a Centolla, que é um caranguejo gigante típico da região.
  • Casa Museo La Chascona: essa é a casa onde viveu Pabrlo Neruda, um importante poeta chileno e ganhador do Nobel de Literatura de 1917. Ela foi construída para a amante do poeta, mas ele passou a viver lá depois de se separar da esposa.
  • Embase del Yeso: localizado em Cajon del Maipo, esse cânion traz uma linda paisagem, sendo um reservatório de água da capital. Esse grande lago é rodeado pelas montanhas dos andinas e tem uma cor que varia em tons de verde e azul intenso.
  • Casa Museo La Sebastiana: localizada em Valparaíso, essa também foi a casa de Pablo Neruda quando se cansou de Santiago e se mudou para poder escrever em paz.
  • Relógio de flores: localizado em Viña del Mar, o relógio é um clássico, sendo um dos pontos mais conhecidos da cidade.
  • Valle Nevado Ski Resort: para quem quer esquiar e ver neve, não precisa ir muito longe. Isso porque a menos de 1h30 de Santiago fica a maior estação de snowboard e ski da América Latina.
  • Deserto do Atacama: reserve uns dias da sua viagem para conhecer incrível Atacama, o deserto mais seco do mundo. Lá as paisagens são espetaculares, sendo possível encontrar lagunas, salares, vulcões, formações rochosas e um céu inigualável.

Vida noturnaVida-noturna-no-Chile

Sem dúvidas, Santiago é um ótimo destino para quem procura uma noitada para todos os gostos.

  1. Pubs Crawls

Essa é uma ótima opção para quem quer curtir a noite, especialmente quando se está viajando sozinho. A dica é se juntar em um pub Crawl que nada mais é do que um tour por diversos bares e baladas.

Normalmente, você paga um valor e os organizadores pegam você no hotel, tem um fotógrafo que acompanha, alguns drinks incluídos nas paradas e você conhece pessoas para se divertir muito

  1. Bares

Existem muitos bares por lá, espalhados por diversos bairros da cidade. Um deles é o Capricho Cariño, que é um bar LGBT. Você ainda pode ir ao bar La Piojera, provar o Terremoto, ou ir ao Pátio Bellavista conhecer o Krossbar ou o Killkener.

Dicas

Quando vamos conhecer um novo país e uma nova cultura, sempre bate uma certe insegurança, afinal, são muitos os detalhes que devemos estar atentos.

Então, veja algumas dicas para quando for ao Chile:

  1. Visto

Por fazer parte do Mercosul, os viajantes brasileiros não precisam de visto para entrar no Chile, nem mesmo de passaporte. A identidade atualizada já é suficiente para dar entrada no país.

  1. Câmbio e moeda

A moeda do Chile é o peso chileno e a cotação agora em 2019 é de 175 pesos chilenos para cada 1 real. Por isso, tenha cuidado para não se atrapalhar nas contas.

Para trocar seu dinheiro, a dica é ir até a Calle Agustinas, no centro da capital. Lá você encontrará boas cotações e casas de câmbio confiáveis, tais como a Laser ou a JM Câmbio.

  1. Internet

A internet do Chile é uma surpresa para os turistas. Isso porque as empresas como Claro, Movistar, Entel e Wom oferecem recargas a partir de 2 mil pesos e com redes sociais liberadas e velocidade de 4G por 7 dias.

  1. Roupas

Atente-se bem a estação do ano na qual você vai viajar. Dependendo da época, é preciso levar bastante agasalho, especialmente se a ideia da viajem for esquiar.

Transportes

O transporte rodoviário do Chile é considerado muito bom e possibilita se locomover bem entre os diferentes destinos que o país oferece. No entanto, por ser um país extenso, alguns deslocamentos podem ser demorados, valendo mais à pena ir de avião mesmo.

Já na cidade de Santiago, a capital do país, existe a possibilidade de usar o metrô, bicicletas ou alugar um carro.

Andar de metrô, por exemplo, é algo bastante simples, sendo que é o melhor sistema de metrô da América Latina, com mais de 120 estações divididas em 7 linhas.

Vale lembrar que algumas dessas linhas levam até vinícolas, como a Concha y Toro, que é um destino de interesse.

Por lá também tem o aplicativo do Itaú, que permite alugar bicicletas pela cidade.

Outra opção é alugar um carro ou então usar aplicativos como Cabify e Uber. Já os taxis não são recomendados visto que costumam passar notas falsas, cobrar a mais e dar golpes em turistas.

Fotos

Para entender um pouco melhor sobre tudo que já falamos até agora, veja algumas fotos incríveis do Turismo no Chile e seus muitos destinos, cultura e peculiaridades:

Praias

Muita gente não sabe, mas o Chile também pode ser um destino de lindas praias com água clara e areia branca, veja algumas:

  1. Reñaca: bem urbanizada, essa praia está em um importante polo turístico do Chile, que é Viñadel Mar. Aqui você pode fazer mergulho, disfrutar de uma caminhada pela orla e passar o dia na praia mesmo.
    Praia de Reñaca

    Reñaca é uma área popular e rica de praias e balneários na região de Valparaíso, no Chile

  2. Los enamorados: próximo de Viña de Mar está a cidade de Valparaiso, também conhecida por sua vida noturna. Aqui é possível curtir a Playa de los enamorados, ideal para famílias e para descansar.
    Praia de Los Enamorados

    Praia de Los Enamorados

  3. Laguna verde: um outro destino de Valparaiso é Laguna verde, com uma paisagem linda e uma faixa de areia cercada por falésias.
    Laguna-verde-no-Chile

    Laguna Verde é uma cidade chilena na comuna de Valparaíso na província de Valparaíso

Além disso, ainda podemos recomendar a praia de Anakena, Canelilo, La Virgen, Cavancha e Bahía Inglesa.

Atrações Próximas

Partindo da capital, Santiago, existem diversos destinos próximos que oferece muita diversão para os visitantes.

A maioria das vinícolas, por exemplo, ficam em cidades ao redor da capital, bem como as principais estações de ski.

vinicola-no-chile

vinicola-no-chile

As estações de Ski é um ponto bastante procurado no Chile, possui uma moderna estrutura com tudo que outras estações de Ski oferecem fora da América do Sul, o bacana disso é que para quem mora nos arredores do Chile pode aproveitar essa maravilha com um preço muito mais atrativo.

Veja agora algumas estações de Ski para aproveitar ao máximo o turismo do Chile!

Valle Nevado

Localizado na região mais central do Chile essa estação é certamente a mais moderna do País, estando a cerca de 3 mil metros do Nivel do Mar ela possui 9 mil hectares, local onde você poderá fazer muitos passeios.

Estrutura:

  • Superfície para Esquiar: 900 Hectares
  • Pistas: 35
  • Teleférico: 4
  • Pistas: Green/Blue/red/Black
  • Queda Vertical: 810
  • Altira Máxima: 3670 msnm (cume 3 puntas)
  • Base: 2860 (base prado)
  • Pub: 4
  • Restaurante: 6
  • Aluguel de equipamento: 1

El colorado

Esta estação também está a 3 mil metros de altitude e possui um sistema de produção artificial de neve, isso garante neve suficiente na maior parte do tempo.

Juntamente com Valle nevado e La parva esta estação faz parte das mais modernas estações de Ski e é bem próxima de Santiago, possui muitos hotéis, cafés e centros gastronômicos.

Estrutura:

  • Superfície para Esquiar: 1300  hectares
  • Pistas: 112
  • Teleférico: 4
  • Pistas: Green/Blue/Red/Black
  • Queda Vertical: 903
  • Altira Máxima: 3333 msnm
  • Base: 2560
  • Pub: 1
  • Restaurante: 3
  • Aluguel de equipamento: 1

La Parva

Próximo a estação El colorado, ela possui pistas que se conectam com as pistas do Valle Nevado, porém essa estação possui algo diferente que a difere de todas as outras, ela possui uma vista privilegiada de todo vale do Santiago.

Uma estação para quem busca não só uma boa dose de adrenalina, mas momentos de relaxamento e reflexão!

Estrutura:

  • Superfície para Esquiar: 3800 hectares
  • Pistas: 40
  • Teleférico: 15
  • Pistas: Green/Blue/Red/Black
  • Queda Vertical:
  • Altira Máxima: 3630msnm
  • Base: 921
  • Pub: 1
  • Restaurante: 5
  • Aluguel de equipamento: 1

Portillo

Com certeza esta é a estação de Esqui mais famosa de todas, pelo menos dentro da América do Sul ela é. Localizada na Cordilheira dos Andes fica entre Santiago e Mendoza, opssui uma vista maravilhosa e fica bem em frente a Laguna del Inca.

Estrutura:

  • Superfície para Esquiar: 500 Hectares
  • Pistas: 16
  • Teleférico: 14
  • Pistas: Green/Blue/Red/Black
  • Queda Vertical: 762
  • Altira  3310Máxima: msnm
  • Base: 2880
  • Pub: 0
  • Restaurante: 2
  • Escola de Ski e Snowboard: 1 
  • Clinica: 1

Então, não deixe de conhecer tudo o que o Chile pode oferecer para você e Boa Viagem!

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply