República Theca Pontos Turísticos

República Theca Pontos TurísticosA República Tcheca tem um passado de dominação comunista, mas isso e sua arquitetura linear, com cenário cinza não impediu o interesse pelo turismo no país depois de sua separação da Eslováquia, ainda em 1993.

Muito pelo contrário, é justamente desde então que o governo vem impulsionando fortemente o país a um crescimento econômico que fez com que a República Tcheca, e principalmente Praga, se tornassem uma grande potência de turismo no leste da Europa.

Sem dúvidas, Praga está entre as cidades mais bonitas do mundo e é por isso que ela vem sendo cada vez mais visitada pelos turistas brasileiros. Os preços mais baixos e a boa quantidade de atrações também são atrativos que fazem o destino ser popular.

Então, se você está interessado e querendo saber um pouco mais sobre a República Tcheca, continue lendo e veja algumas dicas incríveis.

Quando ir

quando-ir-adultos-de-casaco-na-florestaO clima da República Tcheca é continental temperado, tendo como característica a chuva mais presente nos meses de verão, enquanto o inverno é marcado pela neve.

As diferenças climáticas do país são mais ditadas pelas variações de altitude, sendo que nas áreas montanhosas, as temperaturas médias são mais baixas e a precipitação é mais elevada.

Já as regiões da Morávia e da Boémia são as que apresentam uma menor precipitação anual.

No que diz respeito às temperaturas, os meses de janeiro e fevereiro tendem a ser mais frios, com temperaturas por volta dos 0°C, lembrando que nas regiões de maior altitude a neve se mantém por semanas e nas de menor altitude ela fica por apenas alguns dias.

Nos meses de primavera, as temperaturas são bem mais amenas, ficando entre os 18°C e 24°C, o que é bastante agradável.

Considerando tudo isso, a melhor época para ir à República Tcheca é durante os meses de abril e maio ou setembro e outubro. a nebulosidade nesses meses é menor e as chuvas tendem a ser menos frequentes.

Se a viagem for acontecer entre os meses de junho e agosto, a dica é levar um guarda-chuva e uma capa impermeável, pois chove bastante por lá!

Como chegar

Partindo do Brasil, a melhor forma de chegar até a República Tcheca é de avião mesmo. O principal aeroporto do país é o Praga-Ruzyne, que fica a 10km de distância da capita, Praga. No entanto, o país também tem outros aeroportos internacionais.

É possível chegar até Praga saindo das principais capitais e cidades da Europa e também da América do Norte

Para isso, é possível voar pela Czech Airlines (CSA) que é a companhia aérea da República Tcheca, ou por outras, como a Air France, British Airways, Alitalia, TAP, Iberia, Lufthanda, Emirates e outras.

Republica Tcheca Pontos Turísticos

Não existe a menor sombra de dúvidas de que Praga, a capital da República Tcheca é verdadeiramente encantadora. No entanto, o fato é que o país vai muito além dessa cidade, oferecendo uma grande variedade de atrações e pontos turísticos.

Obviamente que Praga é a porta de entrada para os encantos da República Tcheca, mas o que não faltam são opções de coisas para fazer por lá, veja só:

  • Faça um bate e volta para Český Krumlov

Se você quer sentir como se estivesse em um mundo encantado dos contos de fadas, pode ter certeza que essa é a cidade certa. Ela fica próximo da capital e é uma das mais visitadas do país.

Por lá você pode visitar um belíssimo castelo e ainda subir no alto de sua torre para apreciar uma vista diferente da cidade. Também pode conhecer o Teatro Barroco, que é um dos mais antigos do mundo.

A ida para essa cidade pode ser feita de ônibus, de trem ou com algum tour contratado.

Český-Krumlov

Český Krumlov é uma cidade no sul na República Checa, registrada na lista da UNESCO como Patrimônio da Humanidade.

  • Faça um bate e volta para České Budějovice

Embora o nome seja quase impronunciável, essa cidade é perfeita para quem quer conhecer a República Tcheca melhor. Essa é a cidade natal da famosa cerveja Budweiser e tem uma cerveja bem mais saborosa do que a “Bud” Americana.

O mais legal de tudo é que você pode ir visitar a fábrica da cerveja e aprender um pouco mais sobre a marca, a história e o processo de produção.

České-Budějovice

České Budějovice é uma cidade checa localizada na região da Boêmia do Sul, distrito de České Budějovice.

  • Conheça a cidade de Olomouc

Localizada na região da Morávia Central, essa cidade ainda não é muito conhecida pelos turistas, então, aproveite.

Lá você poderá conhecer a Santíssima Trindade, que é considerada Patrimônio da Humanidade da UNESCO.

cidade-de-Olomouc

Olomouc é uma cidade da Morávia, no leste da República Tcheca. A cidade é banhada pelo rio Morava e conta com 100.752 habitantes.

  • Parque Nacional Boémia Suíça

Se você procura uma paisagem linda e de tirar o fôlego, pode ter certeza que esse é o lugar certo. Por lá você verá canyons, torres de pedra e uma das maiores pedras da Europa. Isso sem falar nas trilhas que oferecer muito contato com a natureza e adrenalina.

Parque Nacional Boémia Suíça

Suíça boémia é uma região pitoresca na Boémia, no noroeste da República Checa. Situa-se no lado checo das montanhas de arenito do Elba a norte de Děčín e de ambos os lados do rio Elba. Estende-se para leste pelos montes Lusacianos e para oeste até aos montes Metálicos.

  • Visite a cidade de Liberec

Essa é outra cidade que faz parte da República Tcheca e ainda não foi muito explorada pelos turistas, sendo o destino ideal para quem quer esquiar nesse país.

Por lá você vai encontrar um enorme centro de esqui com 12 pistas e também as trilhas do esqui nórdico, que é o Cross Country Ski.

cidade-de-Liberec

Liberec é uma cidade checa localizada na região de Liberec, distrito de Liberec.

  • Visite a cidade de Pilsen

É aqui nessa cidade que fica a fábrica da famosa cervejaria Pilsener Urquell. Mais do que isso, também vale visitar a Catedral de São Bartolomeu e, claro, fazer o tour pela cervejaria para conhecer sues métodos de produção e armazenagem, além de degustar as cervejas.

cidade-de-Pilsen

Plzeň é a quarta maior cidade da República Checa, com cerca de 163 mil habitantes. É a capital da região administrativa de Plzeň.

Onde ficar

A República Tcheca é um país considerado pequeno. Tendo em vista que o ponto de chegada é Praga, a dica é ficar pela capital mesmo e de lá se deslocar fazendo bate e volta para os destinos dos arredores.

Claro que você também pode escolher ficar em uma outra cidade, mas Praga é a que oferece uma melhor infraestrutura para o turista.

Então, considerando a capital desse incrível país, fique sabendo que ela é dividida como Praga 1, Praga 2, Praga 3 e por aí vai, totalizando 22 distritos.

A parte histórica da cidade fica localizada nos distritos 1 e 8 e cada um dos distritos é subdividido em bairros.

O Praga 1 é o distrito onde você encontrará as melhores opções de hospedagem. Ele fica no centro histórico, que é um dos cartões postais da cidade, lembrando que quase todo o distrito é tombado como Patrimônio Cultural da Humanidade da UNESCO.

No entanto, existem mais alguns bairros considerados bastante turísticos e que podem oferecer boas opções de hospedagem, tais como:

  • Cidade Velha ou Staré Mesto – no coração de Praga 1
  • Cidade Nova ou Nové Mesto – em Praga 2
  • Cidade Baixa ou Malá Strana – se divide entre Praga 1 e Praga 5
  • Hradčany – fica entre Praga 1 e Praga 6

O que comer

A culinária é uma das melhores formas de descobrir um pouco mais sobre a história e a personalidade de um país. O fato é que a República Tcheca é um país considerado pequeno, que fica no centro da Europa.

Svičkova

É composto de contrafilé, preparado com legumes, temperado com pimenta do reino, folha de louro e timiano, e cozinhado com nata. É geralmente servido com houskové knedlíky.

É por isso que ele recebe influências das gastronomia da Alemanha, da Áustria, da Hungria e outros países dos arredores.

Dessa forma, não é difícil encontrar restaurantes que ofereçam pratos que são uma combinação de todas essas referências.

Então, se você quer conhecer a República Tcheca mais a fundo, veja os pratos que você não pode deixar de experimentar quando estiver por lá:

  • Svičkova

Esse é um prato bastante típico e, por sua importância no país, pode até ser comparado com a feijoada brasileira.

Assim, todas as famílias da República Tcheca possuem a sua própria receita para prepara o pato que tem carne bovina como base.

Além disso, o prato tem um milho de verduras mais consistente e um tipo de pão ou massa, cortado em farias e cozido em água fervente, que se chama Knedlíky.

  • Kachní maso

Em uma tradução literal, o prato significa “carne de pato” e pode ser encontrado na maioria dos restaurantes tchecos, servido das mais diversas formas, ou seja, grelhado, assado, cozido e com diversos acompanhamentos.

  • Smažený sýr

Esse é um prado para os apaixonados por queijo, que significa “queijo frito”. À primeira vista, parece um frango empanado, mas é queijo, tipo Edam, empanado e fritinho, normalmente servido com salada ou batata frita.

  • Guláš “tcheco”

O Guláš é um prato comum na Hungria, mas é servido em quase todos os restaurantes de comida tcheca.

Ele é feito com carne de panela, servida juntamente com batatas cozidas e o Knedlíky, que já falamos anteriormente.

No entanto, como tem suas diferenças do prato que é servido tradicionalmente na Hungria, pode-se considerar que é um prato tcheco.

  • Kapr

Kapr significa Carpa, é que um peixe de rio bastante consumido na República Tcheca. O peixe é servido à milanesa e tem como acompanhamento uma salada de batatas, sendo um dos pratos mais típicos na mesa dos tchecos.

Uma curiosidade é que perto da época do natal, as ruas são tomadas por vendedores com seus recipientes cheios de água e carpas. Alguns moradores já levam o peixe morto, mas alguns preferem levar ele vivo, mantendo assim na banheira de casa até algumas horas antes do preparo na noite de natal.

  • Knedlíky

Como já falamos, esse prato consiste em um pão de farinha ou batata, podendo ser recheados ou não. Eles então são preparados e usados como acompanhamentos para carnes com molho.

Vida noturna

Vida-noturnaA capital da República Tcheca, Praga, é bastante conhecida por sua vida noturna, que é considerada uma das melhores da Europa. Por lá você vai poder encontrar uma grande variedade de baladas e pubs, para todos os bolsos e gostos.

Para ficar ainda melhor, vale lembrar que a o país tem as melhores cervejas do mundo, e elas são vendidas a ótimos preços.

Mais do que isso, não é difícil encontrar obas opções de vodcas de alta qualidade e com preços bastante justos também.

Vale lembrar que Praga te uma cultura bastante liberar que, juntamente com diversas opções de diversão, fazer noites animadíssimas.

Dicas

A República Tcheca é um país ainda bastante desconhecido para a maioria dos brasileiros e, mesmo com seus encantos, traz também suas peculiaridades.

Dessa forma, nada melhor do que contar com algumas dicas incríveis para ter uma excelente experiência nesse país, veja só:

  • Língua

A língua oficial do país é o idioma tcheco, mas além dele, também é falado o alemão e o inglês. Sendo assim, pode ter certeza que vice não vai ter muitos problemas nos restaurantes e comércios usando o inglês.

  • Visto

Os brasileiros não precisam de visto para entrar na República Tcheca como turistas em uma permanência de até 90 dias. Também não há nenhuma vacina obrigatória.

  • Moeda

A moeda na República Tcheca é a Coroa Tcheca, mas o mais aconselhável é levar Euro e fazer o câmbio lá mesmo. O dólar também é uma opção viável, mas o euro tende a ser mais vantajoso.

Mais do que isso, é possível que você já tenha passado em algum país da Europa para chegar até lá, então isso não será um problema.

A dica nesses casos é procurar bem o lugar antes de fazer a troca, visto que alguns oferecem uma taxa bastante desfavorável e outros cobram uma taxa de serviço bem salgada

  • Compras

Muita gente nem imagina, mas a República Tcheca também pode ser um ótimo destino de compras, visto que tem lojas de grifes famosas, além de muitas outras. As Lojinhas de souvenirs, por sua vez, podem ser encontradas por toda a cidade, mas as que são mais em conta ficam perto do Distrito do Castelo.Compras-em-Lojas-famosas-na-Republica-Tcheca

Transportes

O transporte público em Praga, na capital da República Tcheca é excelente e é formado por bondes, três linhas de metrô e ônibus. Além disso, o sistema é bastante confortável, bem organizado e eficiente, atendendo bem à sua demanda.

Por lá, o bilhete é único, ou seja, pode ser utilizado em todos os meios de transporte.

Uma dica importante em relação ao transporte, é que o turista tenha cuidado quando for pegar taxis, visto que não é incomum que eles apliquem golpes nos mais desavisados.

Quando for precisar de um taxi, sempre peça que alguém do hotel chame e o preço já é acertado nesse momento.

Fotos

Agora que já falamos bastante sobre a República Tcheca, nada melhor do que conferir algumas fotos incríveis desse país surpreendente:

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre a República Tcheca e conhece informações incríveis sobre esse maravilhoso país. Aproveite e boa viagem!

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply