Sintra Portugal o que Fazer e visitar, Melhor Ponto Turístico de Portugal

o-que-fazer-em-sintra-Portugal

Para quem não conhece ainda, Sintra é uma encantadora cidade de Portugal, que fica localizada a apenas 50 minutos de Lisboa. Com isso, não é nada incomum que muitos turistas que vão para Lisboa façam o famoso bate-volta até esse destino.

O fato é que o que não faltam são opções de atrações em Sintra que, ao invés de um bate e volta, você poderia facilmente ir passar uns 2 ou 3 dias por lá e conhecer tudo.

Pois bem, o que você precisa saber é que é praticamente impossível não se encantar e apaixonar por Sintra em Portugal. Isso porque essa pequena cidade fica localizada na encosta de uma montanha, o que cria um destino muito romântico e lindo.

As principais histórias que encantam as pessoas hoje em dia tiveram sua origem por volta do fim século XVIII, o local era habitado por nobres e pessoas com donas de grandes fortunas, que escolheram a cidade para construir seus palácios dignos de contos de fadas.

Especialmente no final do século XIX, o pequeno vilarejo se tornou uma grande atração para artistas e escritores, atraindo personalidades como Eça de Queirós e Lord Byron.

O mais interessante de tudo é que você nem precisa de um dia ensolarado para apreciar a cidade, visto que os dias chuvosos ou com as brumas da serra, tornam a cidade ainda mais encantadora.

Então, se você está mesmo interessado e quer saber um pouco mais sobre Sintra, continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber sobre esse incrível destino. Vamos lá?!

Quando ir

Sintra é uma pequena cidade, mas também é um lugar onde o turismo é bastante forte. Tudo isso não é graças apenas aos seus castelos, palácios e outros pontos turísticos, Sintra tem muitos outros segredos e até Praias.

A cidade te uma boa região litorânea, bem como uma região de Serra e é por isso que o clima é temperado e quente durante todo o ano.

A média da temperatura anual fica em torno de 14,5°C e a pluviosidade é moderada, mas pode subir bastante no verão e cair bastante no inverno.

A primavera nessa cidade acontece entre os meses de março a junho e as temperaturas ficam bastante amenas nessa estação, o que é excelente para conhecer o lugar.

Nessa estação, as máximas variam entre 14°C e 19°C, o que é muito bom considerando que se trata de uma região de serra.

O Verão acontece entre os meses de junho e setembro e essa também é uma época excelente para conhecer a cidade e aproveitar a praia. A média de temperatura fica por volta dos 20°C e o mês de junho é considerado o mais seco.

O outono ocorre entre os meses de setembro e dezembro e é uma ótima época para o turismo também, visto que não é a estação mais fria.

Assim como no mês de março da primavera, o mês de outubro é um dos mais chuvosos da estação.

É um pouco estranho explicar a temperatura para alguém que venha de Países mais quentes, por que, aqui 20º é uma temperatura que permite ir a Praia, se estiver um pouco mais quente, entre 25 e 28 ai fica mesmo perfeito.

Eu como carioca, posso dizer que se aqui estiver 30º você vai sentir um calor próximo ao que temos num dia de verão ameno no Rio de Janeiro. Agora se aqui estiver 40º, o que acontece uma vez ou outra, significa que vocêvai sentir um calor que nunca experimentou antes.

Como chegar

Estação-de-Sintra

Considerando que você está em Lisboa a capital do país, existem muitas opções para chegar até Sintra, que fica a cerca de 50 minutos de distância, se for de transporte público, indo de carro isso vai levar no máximo 30 minutos, indo bemmmm devagar.

Uma dessas opções é o trem, que é um transporte bastante rápido e prático, que atende bem a necessidade nesse caso.

Os trens que vão para Sintra saem da estação ferroviária do Rossio, que fica no centro da cidade, em um lindo prédio de 1886.

Outra opção para ir para Sintra é de carro mesmo, visto que a distância entre a capital e a cidade destino é de cerca de 30km. No entanto, é preciso alertar que estacionar no centro de Sintra pode ser complicado, por isso, pense duas vezes, agora se stiver indo as praias pode ir de carro sem problemas.

Uma outra alternativa disponível é contratar um tour, que parte de Lisboa até essa incrível cidade, com um guia que levará você e seu grupo em todos os pontos turísticos mais importantes.

Onde ficar

Centro-Historico-de-Sintra

Cheia de palácios, essa cidadezinha bucólica oferece uma boa quantidade de opções de hospedagem para que você possa passar mais dias por lá.

Como Sintra é uma cidade pequena em relação a outros de Portugal, a dica a respeito da melhor região para se hospedar é apenas uma: o Centro.

Não são muitos os hotéis que você vai encontrar, mas é essa a região que tem a melhor infraestrutura para o turista, ou seja, onde fica o centrinho da vila.

O Hotel Tivoli é um dos mais conhecidos e procurados por lá e oferece ótimas opções de habitações.

Existem também opções de pousadas, que podem ser um pouco mais acessíveis, mas já fique sabendo que esse não é um dos destinos mais baratos não.

O que comer

De uma forma geral, a culinária de Sintra é a mesma que do restante do país. No entanto, dois doces se destacam nesse destino e levam até o nome da cidade.

Sendo assim, quando estiver por lá, não deixe de provar a queijada de Sintra e também o travesseiro de Sintra.

travesseiros-de-Sintra

A queijada é feita usando açúcar, queijo fresco, farinha e canela, envoltos em uma massinha crocante e muito saborosa. O doce é tão clássico da região que existem até dois lugares que disputam a sua autoria.

A Fábrica das Verdadeiras Queijadas da Sapa afirma que possui a receita desde o ano de 1756, com um recheio escuro e leve de açúcar. Já a Casa da Piriquita, que é 100 anos mais jovem, tem um recheio mais claro e um pouco mais doce e também afirma ser autora do doce.

O outro doce que você não pode deixar de experimentar quando estiver em Sintra é o travesseiro de Sintra, que consiste em uma massa folhada recheada com ovos e amêndoas.

Sem dúvidas, além de adoçar sua experiencia na cidade, ainda vão tornar o seu dia mais agradável.

Pontos Turísticos

Mesmo sendo uma cidade pequena, o que não faltam são opções de atrações turísticas para quem vai visitar Sintra. O local que teve origem no século 18 é cheio de histórias e muitas opções de pontos que podem ser visitados.

No vídeo tem bastante informação também, depois de assistir, não deixe de ler mais sobre Sintra no artigo, ainda tem muitas novidade aqui para você ficar pode dentro de tudo!

O local é considerado uma vila, sendo chamado, inclusive, de Vila de Sintra. O destino é delimitado pelo Oceano Atlântico a oeste e por Cascais ao sul, que também é outra cidade bastante conhecida e badalada por lá.

Então, vamos conhecer quais são os principais pontos turísticos de Sintra Portugal:

  • Palácio da Pena

Esse é um dos pontos turísticos mais importantes em Sintra, sendo também um dos mais conhecidos. Ele foi majestosamente erguido no topo da Serra de Sintra, construído à mando de D. Fernando II, que aproveitou a estrutura de um antigo mosteiro da nossa senhora da Pena para transformar em palácio.

Palacio-da-Pena

O antigo mosteiro havia sido construído em homenagem a volta de vasco da gama após desbravar o caminho das ìndias, reza a lenda que D.Manuel avista a chegada dos navios no alto da serra de Sintra, e por isso manda construir ali um convento.

D.fernando II é na verdade principe Consorte entre 1836 e 1837, ele foi casado com Maria II, filha de D.Pedro I, a unica monarca a nascer fora da Europa, a mesma nasceu no palácio de São Cristóvão no Rio de Janeiro D.Fernando II compra a propriedade no alto da serra de Sintra e manda fazer um palácio para morar com sua Rainha, ao que tudo indica, eles tinham uma união realmente feliz. Acontece que D.Fernando era um grande romântico e assim tenta fazer o melhor para Maria II.

Infelizmente, Maria II morre aos 34 anos após dar a luz ao um filho Natimorto, ela nunca viria a habitar o Palácio junto com D.Fernando II.

Não existe a menor sombra de dúvidas de que esse é um destino que não pode ficar de fora da sua lista de pontos a conhecer em Sintra. No entanto, saiba que é um passeio que demanda tempo, então, vá quando houver disponibilidade.

  • Castelo dos Mouros

Esse castelo foi construído ainda no século VIII, originalmente como uma fortificação militar, ele sofreu vários danos devido ao terremoto de 1755 e foi restaurado por D.Fernando II, o mesmo do Palácio da Pena.

Castelo-dos-Mouros

Por lá, tudo é fantástico e impressionante e o silêncio é constantemente quebrado quando o vento atravessa as aberturas das paredes.

Ao lado, existe uma pequena igreja construída na época em que D. Afonso Henriques já era soberano, a Igreja de greja de São Pedro de Canaferrim. Mais do que isso, o local ainda oferece uma vista de tirar o fôlego da vila a partir de suas muralhas.

Igreja-de-São-pedro-de-Canaferrim

  • Quinta da Regaleira

Não existe nenhuma construção em Sintra que seja mais lúdica e incrível que esse palácio.

António Augusto Carvalho solicitou ao arquiteto Luigi Manini que transformasse a propriedade da família, que até então era o local de veraneio, em uma verdadeira floresta encantada particular.

quinta-da-regaleira

Lá, se vê a verdadeira mistura de Camões, Dante Alighieri, mitologia grega e maçonaria.

Pelo bosque, espalhadas e escondidas, é possível encontrar figuras gregas, além de torreões, uma capela neogótica, fontes, labirintos, jardins, grutas e passagens subterrâneas.

O auge da visita é ir conhecer o incrível Poço Iniciático, que é uma torre invertida, que vai a 27 metros abaixo da terra e era utilizada para a prática de rituais maçons.

A dica é ir conhecer esse lugar com tempo, pois é enorme e verdadeiramente incrível, sendo possível se perder por lá um bom tempo.

  • Palácio de Montserrate

Esse palácio foi construído no ano de 1856 para ser a casa de veraneio de uma rica família inglesa cujo patriarca era Sir. Francis Cook. Isso foi feito aproveitando as ruínas da uma antiga mansão neogótica que já existia, nesta época até o próprio Lord Byron visitou a casa e ficou tão encantado que a mencionou em um de seus poemas, fato este que dá a Quinta de Monserrate o romance e a fama que leva o local a ficar famoso.

palacio de Monserrate

No caminho do portão até a casa, o visitante encontrará um sarcófago, ruínas, uma linda cascata e até trilhas estreitas. O interior da construção é muito rico em detalhes e o átrio principal tem uma linda cúpula que é encantadora.

  • Palácio Nacional de Sintra

Também conhecido como o Palácio da Vila, a construção fica na freguesia de São Martinho e foi um dos palácios reais. Atualmente, o local é propriedade do Estado, usado para fins turísticos e culturais da região.

Palacio-nacional-de-sintra

A construção data do século XV, porém foi aproveitada uma construção muçulmana para a sua criação. A arquitetura do local surpreende pelo estilo medieval gótico, mesclado com o estilo renascentista e romântico. Vale a pena dar uma passada por lá e conhecer um pouco mais dessa incrível atração.

  • Vila Sasseti

A Vilça Sasseti é um pequeno Palácio que não é aberto a visitação, pertencia a dois ricos comerciantes do ramo de Hoteis, um deles era Victor Sassetti e era dono de hotéis de luxo, o outro, Luigi Manini.

Vila-sasseti

Apesar de não poder ver o palacete por dentro é possível caminhar pelos seus Jardins que oferecem um passeio bem agradável e que para os mais aventureros pode resultar numa boa trilha que vai sair no Castelo dos Mouros ou no Palácio da Pena.

A paisagem que se observa da vila é mesmo de tirar o Fôlego. Se você vai apenas até a ViLa Sasseti sem maiores pretensões de fazer uma trilha aventureira poderá ir sem maiores precauções como, água e lanches, pois é possível caminhar devagar e subir de forma mais tranquila, a súbida não é um grande desafio!

  • Parque das Merendas

O Parque das merendas ainda estou avaliando, a princípio diria que não é lá grandes coisas, assim como falo no vídeo. Eu ainda estou explorando essa área e vou ficar devendo maiores detalhes, mas me parece realmente que não tem muito o que fazer por lá, a não ser uma longa caminhada que pode dar até no palácio da Pena.

Parque-das-merendas

Vida noturna

De uma forma geral, podemos dizer que Sintra não tem uma das vidas noturnas mais agitadas da região, uma delas com certeza é a enigmática casa do Fauno, uma casa que possui mais de 50 anos de história, ela possui apresentações com músicas celta e todos os garçons usam roupa típica da época, uma verdadeira viagem no tempo.

Casa-do-Fauno

No entanto, não se pode negar que a cidade tem boas opções de restaurantes e bares para quem quer fazer um passeio à noite e disfrutar da região.

Mais do que isso, é em Sintra que ocorre o Aura Festival desde 2015, que já está se tornando um evento fixo e característico da cidade. Esse é um festival de luz, no qual os turistas fazem um percurso pela cidade, visitando vários pontos da cidade que são lindamente iluminados.

O passeio é feito a pé mesmo e ocorre, normalmente, em agosto.

Transportes

Todas as atrações turísticas da cidade de Sintra Portugal são morro cima, com exceção do Palácio da Vila. A boa notícia é que existem duas linhas de ônibus turísticos que levam a todos os atrativos do local.

O ponto inicial e final de ambas linhas é na estação de trem e o bilhete pode ser comprado na hora mesmo, com o motorista mesmo. O mais interessante é que os bilhetes têm duração de um dia e você pode subir e descer onde quiser, quantas vezes quiser dentro desse período.

Praias

As praias também podem ser consideradas uma atração à parte em Sintra Portugal. Isso porque muito além de castelos, a cidade também oferece belezas naturais incríveis e nada melhor do que uma linda praia quando o calor intenso toma conta da cidade.

Então, vamos conhecer a seguir quais são as melhores praias de Sintra em Portugal:

  • Azenhas do Mar

Uma das praias mais belas de todas sem dúvida é a Praia de Azenhas do Mar, ela possui uma Piscina natural que é alimentada pelo Mar. Acima da praia você pode ver uma vila com cerca de 800 habitantes e lembra muito o estilo Grego da Ilha de santorini.

Azenhas-do-mar

  • Praia da Adraga

O cenário belíssimo dessa praia é composto por rochas e uma encosta repleta alta que deixa o local ainda mais incrível.

O acesso é um tanto complicado, feito por um caminho sinuoso e uma longa caminhada, mas que vale a pena chegar até esse lindo cartão postal.

  • Praia da Ursa

Próxima de Cabo da Roca, essa praia é o ponto mais ocidental da Europa e tem uma beleza capaz de arrancar suspiros até dos mais apáticos. A descida até a praia é feita morro abaixo pela encosta e por mais que possa parecer um tanto complicado, o destino compensa.

  • Praia de São Julião

Essa praia fica a 10 minutos de Ericeira e tem duas jurisdições. Isso porque o Rio Falcão a divide em dois, sendo que metade pertence à Sintra e a outra metade pertence à Mafra.

O local é ótimo para fazer uma caminha, pois tem uma boa faixa de areia e ainda oferece estacionamento para quem chega lá de carro. No entanto, é uma praia onde vento e frio são comuns.

  • Praia do Magoito

Magoito é a praia que fica entre Gerebele e Aguda, sendo um dos melhores pontos para quem quer pegar aquele bronzeado. A água, no entanto, costuma ser um tanto fria, mas compensa pela sua cor cristalina, com uma faixa de areia dourada.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre Sintra Portugal, seus pontos turísticos, atrações e tudo que o destino pode oferecer para você. Aproveite essas dicas, monte seu roteiro e agende agora uma viagem conosco, estamos aqui para fazer de sua viagem algo inesquecível.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply