logo-itinereo-195x50

As belas araras brasileiras – Confira 5 espécies e suas características!

As belas araras brasileiras – Confira

As belas araras brasileiras fazem parte da fauna e flora do nosso país, sendo que as espécies aqui contidas não são encontradas em nenhuma outra parte do mundo, e justamente por isso elas recebem denominação como brasileiras.

Apesar do risco de extinção, as belas araras brasileiras ainda continuam vivas e seguem espalhando beleza nas regiões em que são encontradas, além de encantar quem pode vivenciar a chance de ver uma de perto, seja livre ou então em cativeiro, onde são cuidadas para maior reprodução de espécies.

Neste conteúdo, vamos falar um pouco mais sobre as belas araras brasileiras, explicar sobre suas espécies, o risco de extinção e onde pode encontrá-las (estados, cidades ou regiões brasileiras). Leia conosco e saiba mais com as dicas exclusivas do blog Itinereo. Vamos lá!

Quais são as belas araras brasileiras?

Conforme mencionamos anteriormente, essas espécies recebem o codinome de brasileiras, pois são encontradas somente em nosso território nacional, não sendo encontradas em nenhum outro país, nem mesmo em outros países sul-americanos que também possuem parte da Floresta Amazônica.

viagem para conhecer araras

Além disso, mencionamos no plural, pois se trata de 5 espécies, ou seja, são araras de diferentes tipos, com diferentes características e “caras”, que podem ser reconhecidas com base em alguns detalhes. Abaixo, mencionamos quais são essas 5 espécies detalhadamente e onde você pode encontrá-las caso esteja preparando sua viagem para conhecê-las. Leia:

1. Arara-Canindé

Essa é a arara brasileira provavelmente mais conhecida, justamente pelas suas belas cores e tamanho exuberante. Foi protagonista do filme Rio, ficando ainda mais famosa após a produção, até mesmo a nível internacional. Uma arara dessas pode viver cerca de 80 anos quando bem cuidada e criada em cativeiro, como uma arara de estimação.

Podemos considerá-la não extinta, pois a mesma está bem espalhada por toda a região Amazônica, mas podemos considerar o seu futuro um perigo, pela devastação do seu habitat natural devido às queimadas e ao crescimento urbano em regiões até então totalmente isoladas.

Além da região Amazônica, onde é possível encontrá-la até mesmo em algumas tribos indígenas, essas belas araras brasileiras podem ser encontradas na região centro-oeste brasileira.

2. Arara-canga

Chegamos então à outra da lista de belas araras brasileiras, a arara-canga, espécie ameaçada em extinção e até mesmo extintas em determinadas regiões onde possuía uma grande predominância de indivíduos. Diferente da anterior, é um pouco menor, e possui penas em que a cor vermelha predomina.

No Brasil, é possível encontrá-la no centro-oeste, mais especificamente na parte Norte do estado do Mato Grosso. Sua população está em constante declínio, portanto, se possui o sonho de conhecer essa bela ave, faça suas malas o quanto antes.

3. Arara-vermelha-grande

A arara-vermelha-grande é muito semelhante a que citamos anteriormente, sendo até mesmo considerada por muitos uma variação da arara-canga, porém seu tamanho é bem maior do que a que citamos anteriormente, sendo uma das maiores da lista quando comparada as outras 4 belas araras brasileiras.

Também ameaçada de extinção, assim como a grande maioria das outras aves, pode ser encontrada caso você esteja viajando para a região amazônica e Norte da região centro-oeste, porém se difere das restantes por também poder ser encontrada em alguns estados da região Nordeste brasileira, como Piauí e Maranhão.

4. Arara-azul-grande

Em segundo lugar das belas araras brasileiras mais conhecidas temos a famosa arara-azul-grande, que já figurou como uma espécie em extinção, mas saiu da lista brasileira de animais em extinção ainda no ano de 2014, porém, sua distribuição geográfica e número de indivíduos é considerada menor do que no passado.

Para conhecê-la, é necessário visitar locais bem específicos do pantanal mato-grossense ou então a parte da floresta Amazônica no estado do Pará. Também pode ser encontrada na região do cerrado, onde pode ser visitada quando você viajar para o Norte do estado de Goiás ou Sul do estado de Tocantins.

  1. Arara-azul-de-lear

Por fim, temos a arara-azul-de-lear, uma espécie muito semelhante fisicamente e visualmente em relação à arara-azul-grande, porém possuindo menos da metade de seu tamanho, além de ser considerada a espécie tipicamente em extinção das belas araras brasileiras.

Para se ter uma noção, acredita-se que atualmente existem apenas 1.200 indivíduos de sua espécie, um número muito baixo se considerarmos a dificuldade de reprodução que possuem atualmente devido à destruição de seu habitat natural.

Além da destruição de seu habitat natural, outro elemento que contribui e muito para seu desaparecimento gradual é o tráfico internacional de animais, que a leva devido ao tamanho menor e beleza exuberante em relação a outras aves mais comuns como pequenos pássaros.

Diferentemente de todas as outras espécies, ela não é encontrada na floresta Amazônica ou no cerrado brasileiro, mas sim na caatinga, mais especificamente na ecorregião denominada como Raso da Catarina, na parte Nordeste do estado da Bahia.

Essas são as belas araras brasileiras, o que achou das mesmas? Realmente, a beleza delas é encantadora, tanto que acabou gerando a própria extinção das mesmas por culpa da mão humana. Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Itinereo

Um site de viagens com diversas dicas para você ecnomizar muito e fazer viagens inesquecíveis
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram