logo-itinereo-195x50

Remédios para viagem internacional

regras-para-remedios-em-viagem-internaciona

A seguir iremos falar sobre alguns dos remédios que são comuns nas bagagens dos viajantes e passar algumas informações importantes para facilitar a sua viagem e a organização de suas malas.

A ANAC é a responsável por realizar as regras para remédios para viagem internacional, mas cada país pode possuir suas próprias normas e proibir algumas substâncias que são consideradas legais no Brasil.

É extremamente importante ficar atento as normas de cada país para que não considerem que você esteja transportando substâncias ilegais. Para evitar maiores problemas, entre em contato com a companhia aérea e pergunte se o seu medicamento pode ser transportado sem maiores transtornos para o país de destino.

Quando for realizar uma viagem internacional, é aconselhado possuir a prescrição médica para todos os remédios da lista para garantir maior facilidade durante as inspeções realizadas.

Conheça as regras para remédios em viagem internacional

  • Analgésicos e Antitérmicos
  • Remédios para gases
  • Remédios para mal-estar
  • Relaxante muscular
  • Repelente
  • Remédios para gripe
  • Primeiros socorros
  • Remédios de uso contínuo

Os remédios para viagem internacional fazem parte da vida de todo viajante, mas na hora de fazer as malas podem surgir diversas dúvidas sobre quais são as regras sobre o transporte de medicamentos.

Uma regra que deve ser do conhecimento de todos os passageiros é que quando os medicamentos necessitam ser transportados em um local especial ou refrigerado, será necessário informar a companhia aérea com um prazo de 72 horas.

Os remédios para viagem internacional que serão utilizados durante o voo precisam ser apresentados junto com a prescrição médica que indique todas as orientações de uso, incluindo os horários.

A prescrição médica ser escrita em inglês é algo que é aconselhado quando se trata de remédios para viagem internacional de uso contínuo ou não.

Os medicamentos que não necessitam de prescrição médica podem ser transportados na bagagem de mão, mas eles podem passar por uma fiscalização mais complexa, portanto, esteja preparado.

Remédios para viagem Analgésicos e Antitérmicos

Os analgésicos e antitérmicos podem ser utilizados por pessoas que sintam dores ao ficar muito tempo na mesma posição e que estejam com alguma doença que cause febre.

Este tipo de medicamento pode ser transportado sem a necessidade de uma prescrição médica e dentro da bagagem de mão do passageiro, eles podem fazer parte do seu kit de primeiros socorros e são uma ótima precaução para quem está indo se aventurar em uma região desconhecida.

Remédios para gases

Passar horas sentado em uma viagem ou comendo apenas lanches com muita gordura são fatores que podem fazer com que com você sofra com gases.

Algumas pessoas preferem levar os remédios para gases que estão acostumadas a tomar em suas viagens para evitar que o problema atrapalhe a sua diversão.

Os remédios para gases podem ser transportados em sua bagagem de mão, a regra geral para substâncias líquidas se aplica para estes medicamentos, ou seja, os frascos não podem possuir uma quantidade maior que 100 ml.

Remédios para mal-estar

Os remédios para mal-estar seguem os mesmos parâmetros para líquidos e os comprimidos podem ser transportados em sua bolsa de mão.

Muitas pessoas ficam enjoadas durante as viagens e precisam utilizar medicamentos para se sentirem melhores. Neste caso é melhor levar os medicamentos em sua bagagem de mão para que você possa utilizar durante o voo.

Relaxante muscular

O relaxante muscular em formato de comprimidos também poderá ser transportado facilmente em viagens internacionais. Este tipo de medicamento costuma ser comprado sem a necessidade de prescrição médica e será necessário apenas estar em sua embalagem original na hora da viagem.

Ele pode ser transportado na bagagem de mão do passageiro e ser utilizado durante a viagem.

Repelente

Os repelentes podem ser transportados em viagens internacionais, desde que sejam no formato líquido e que não extrapolem o limite de 100 ml no frasco.

Quando o seu destino são países com o clima quente e que enfrentam alguns problemas com doenças transmitidas por insetos, é obrigatório não se esquecer do repelente para se proteger.

O repelente não precisa ser utilizado durante a viagem, então não é necessário ser transportado em sua bagagem de mão, mas é imprescindível que seja utilizado quando necessário.

Remédios para gripe

Os remédios para gripe podem ser transportados em sua bagagem de mão, mas é aconselhado que não realize viagens se estiver com gripe ou sintomas gripais.

O avião é um local fechado e que facilitará a transmissão de doenças respiratórias como a gripe. Se for inevitável realizar a viagem, tome todas as medidas necessárias para evitar transmitir gripe para os outros passageiros.

Durante a pandemia do coronavírus, não é permitida a viagem de pessoas que estejam com sintomas gripais, portanto, fique atento as regras para cancelar sua passagem durante a pandemia.

Primeiros socorros

Ao fazer o seu kit de primeiros socorros é necessário ter cuidado com as ferramentas que serão adicionadas. Agulhas e tesouras não podem ser transportadas em viagens internacionais.

Os medicamentos citados anteriormente podem ser acrescentados em seu kit e trazer mais segurança para a sua viagem. Acrescente alguns curativos e não se esqueça de tomar cuidado para que não seja necessário utilizar o seu kit de primeiros socorros.

Remédios de uso contínuo

Remédios-de-uso-contínuo

Os remédios de uso contínuo podem ser transportados na bagagem de mão do passageiro, mas o viajante deve estar com a prescrição médica presente para comprovar que realmente faz a utilização do medicamento.

Antes de ser iniciada a inspeção de embarque no voo é necessário que o passageiro informe que está carregando os medicamentos e os entregue separadamente para que seja feita a fiscalização de forma eficaz.

Alguns medicamentos podem possuir substâncias que sejam consideradas ilegais no país de destino, portanto, faça uma pesquisa antes de embarcar.

No caso do seu medicamento ser proibido no país que você está indo visitar, é aconselhado visitar o seu médico antes da viagem e perguntar se existe algum remédio que poderá substituir o atual para que o seu tratamento não sofra nenhuma alteração.

A quantidade de medicamento transportada não pode extrapolar a necessária para o tempo de duração da viagem. É importante lembrar que é aconselhado que as prescrições médicas estejam em inglês e que os medicamentos devem estar lacrados.

Itinereo

Um site de viagens com diversas dicas para você ecnomizar muito e fazer viagens inesquecíveis
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram