Moscou Pontos Turísticos da Russia

Moscou-Pontos-Turísticos

Moscou é uma cidade que é realmente muito surpreendente e é muito mais bonita do que a maioria imagina. O que não falta por lá são atrações e coisas para fazer e se divertir.

No entanto, para quem está indo pela primeira vez, pode não ser tão simples montar um roteiro para desvendar essa belíssima cidade.

Então, se você está querendo saber um pouco mais sobre Moscou e o que fazer, comer e conhecer por lá, continue lendo e veja os detalhes. Vamos lá?!

Quando irQuando viajar para Bolivia

Se você é do tipo de turista que não suporta sentir muito frio, esqueça a ideia de ir visitar Moscou durante os meses de inverno. Por lá, essa estação acontece entre os meses de dezembro e março, tendo o auge no frio no mês de janeiro mesmo.

No entanto, o fato é que essa pode ser uma época vantajosa visto que as tarifas baixam e tudo fica mais acessível. Porém, é bem possível que com uma temperatura de -10°C você não consiga aproveitar muita coisa.

Por outro lado, os turistas que não se incomodam e estão mais acostumados com o frio não podem esquecer de irem bem preparados, com roupas térmicas, luvas, gorros e tudo mais.

Para aqueles que desejam fugir desse frio intenso, a dica é ir conhecer Moscou entre os meses de junho e setembro. No entanto, é essencial lembrar que é a alta temporada por lá e as tarifas sobrem.

Por outro lado, apesar dos preços, as condições climáticas são muito mais favoráveis para que você possa aproveitar todos os atrativos que a cidade pode oferecer.

Como chegar

Não existem voos que levem você diretamente do Brasil até Moscou, mas existe uma grande variedade de voos que fazem conexões em diversos pontos da Europa.

Moscou, que é a capital da Russia, possui três aeroportos e a principal empresa de avião do país é a Aeroflor.

Uma ótima sugestão para quem já está na Europa e deseja economizar é voar com a empresa Easyjet, se estiver em Londres, com a Aigle Azur, se estiver em Paris ou com a Estonian Air se estiver na Holanda, Amsterdã, Taillin ou Estônia.

Outra opção para quem já está na Europa é o trem, que conecta algumas cidades europeias com Moscou. No entanto, pode não ser a forma mais barata e nem mais rápida de chegar ao seu destino.

Moscou Pontos Turísticos

O que não falta em Moscou são belíssimos pontos turísticos e atrações para quem quer aproveitar a cidade ao máximo. Além disso, a cidade ainda rende alguns programas bem diferentes e até inusitados, que renderão ótimas experiencias de viagem.

Então vamos conhecer quais são os principais pontos turísticos de Moscou:

  • Catedral de São Basílio

Essa igreja é um clássico cartão postal da cidade e também da Rússia e parece que foi construída por um confeiteiro ao invés de um arquiteto. Ela é a estrela maior da Praça Vermelha e também o ponto de partida de muitos visitantes que chegam à cidade.

Catedral-de-São-Basílio

  • Praça Vermelha

Mais do que a catedral famosa que já falamos, a Praça Vermelha de Moscou tem outros pontos de interesse. De lá, para onde quer que você olhe verá uma linda e surpreendente construção, parecendo até um cenário de filme.

Praça-Vermelha

  • Kremlin

Logo ao lado da Praça Vermelha você encontrará a sede do poder da Rússia, que fica alocada em uma antiga fortaleza militar. Para visitar o loca, que é um complexo, é preciso comprar diferentes ingressos.

Kremlin

  • Passeio de barco

Um passeio clássico da cidade é o passeio de barco pelo Rio Moscou, que mostra uma vista diferente e linda da cidade e seus prédios singulares.

Existem vários píeres na cidade que oferecem passeios com diferentes trajetos e a maioria deles tem 2 horas de duração.

Passeio de barco

  • Estação de metrô

A estação de metro da cidade realmente impressiona a qualquer um com sua arquitetura. Elas foram construídas para serem “palácios do povo” e muitas delas ainda se mantém como eram ainda no tempo da URSS, com suas estrelas vermelhas.

Estação-de-metrô-Moscou

  • Museus de arte

Em Moscou você vai encontrar muitos museus com riquíssimas obras de arte, tal como a Galeria Tretyakov e o Museu Pushkin de Belas Artes.

Ambos são bem brandes e oferecem muito a ser visto e até mesmo quem não é muito fã de arte pode acabar se surpreendendo.

Museu-Pushkin-de-Belas-Artes

  • Muzeon Park of Arts

Tal como acontece em Budapeste, em Moscou também tem um “cemitério de esculturas”, que fica na parte central da cidade. Desde a década de 90 o local acumula estátuas quebradas, como a de Lênin e Stalin.Muzeon-Park-of-Arts

  • Museu de história

A Rússia, de uma forma geral, é um destino capaz de enlouquecer uma pessoa que gosta de história. Mesmo para os que não gostam, terão que enfrentar a Revolução Russa e a Guerra Fria como plano de fundo de muitas atrações.

Museu-de-história

  • Bunker 42

O local é um abrigo antiaéreo do período da Guerra Fria e se manteve em segredo por quase 30 anos. Lá você pode ver de pertinho a sala de controle de voo, as armas do exército russo e os detalhes da vida daquela época.Bunker-42

Onde ficar

Para quem não sabe, Moscou é a maior cidade da Rússia e é por isso que por lá, existem grandes distâncias a serem percorridas. Nesse caso, a localização da sua hospedagem é algo importante para tornar a sua experiência um pouco mais fácil.

Dessa forma, você dependerá menos de transporte para chegar às atrações e gastará menos tempo com deslocamentos.

Então, vamos conhecer algumas localizações interessantes para turistas:

  • Praça Vermelha: aqui você ficará próximo da maioria das atrações e ainda terá uma boa infraestrutura de comercio e transporte.
  • Kitay-Gorod: esse bairro é ótimo para quem quer curtir a noite de Moscou e fica próximo da Praça Vermelha.
  • Arbat: essa é uma região com bastante hotéis e que costuma agradar aos turistas.
  • Tverskoy: esse distrito é excelente para quem quer aproveitar o lado mais cultura da cidade, pois é cheio de museus, teatros e arte.

O que comerBorscht

Existem algumas comidas moscovitas que merecem ganhar destaque para ter um espacinho no seu roteiro de viagem pela cidade. O fato é que a gastronomia Russa é rica em sabores e ingredientes e pode surpreender você.

Então, vamos conhecer alguns pratos que você deve comer quando for a Moscou:

  • Frango à Kiev: esse prato é um bom exemplo da abundância de ingredientes que gastronomia russa possui. Consiste em um peito de frango sem osso, recheado com ervas, presunto, queijo, alho e manteiga.
  • Borscht: um símbolo da Rússia, esse prato de origem ucraniana consiste em uma sopa de tomates e beterraba.
  • Solyanka: textura crocante e sabor picante, a Solyanka é um prato com base de cogumelos, peixe e carne, além de repolho, creme de leite, pepinos, azeitonas e batatas.
  • Draniki: um lanchinho russo que é como uma panqueca, mas feita com batatas e servida com creme azedo.

Vida noturna

Sem dúvida, Moscou é uma das cidades europeias com a história e cultura mais interessantes, mas a cidade também é famosa por causa de sua agitada vida noturna.

O fato é que a cidade oferece muitas opções de vida noturna, baladas e diversão que não acaba mais, com locais transgressores e alternativos.Vida-noturna

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre Moscou, suas opções de turismo e como aproveitar essa cidade incrível ao máximo!

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply