logo-itinereo-195x50

Tomar o último Refúgio dos Templários

cruz templaria forjada na rocha do castelo

Antes de falarmos sobre Tomar, uma cidade portuguesa pertencente ao distrito de Santarém, com 19.654 habitantes. Vamos falar sobre os templários para compreender melhor toda a beleza histórica de Tomar.

Os cavaleiros templários eram monges guerreiros, uma ordem religiosa, dedicada a “guerra santa”, que tinha o objetivo de proteger Jerusalém do domínio Muçulmano. A ordem dos templários foi criada no século XII.

O nome Templários veio da ala que ocupavam no palácio de Jerusalém que recebia o nome de Templo de Salomão. Agora vamos seguir o assunto e contar um pouco sobre Tomar.

Tomar é uma cidade muito interessante cheia de histórias com riquezas artísticas e culturais. O lugar onde a ordem dos Templários se instalou na época das cruzadas.

O que fazer em Tomar?

Que tal começar fazendo uma viagem no tempo e conhecer dois patrimônios mundiais? Duas construções mágicas e cheias de esplendor, o Convento de Cristo e o Castelo de Tomar ficam na mesma região e são maravilhosas opções para visitar em Tomar.

Tomar oferece várias atrações para os visitantes, é possível conhecer o Aqueduto dos Pegões, a Janela do Capitulo e a Ponte de Dom Manuel. Esses apenas alguns dos pontos turísticos que valem a pena serem visitados em Tomar, a seguir iremos falar mais detalhadamente sobre alguns locais da cidade.

Locais mais legais da história dos Templários

Hoje estamos aprendendo sobre Tomar, então nada mais justo do que falar sobre os locais mais legais da história dos Templários que podem ser visitados na cidade.

Pegue um lápis e uma folha para começar a planejar o seu roteiro de viagem por Tomar porque a cidade tem muita diversão para oferecer e muita história para contar. Os seguintes locais são os mais legais para serem visitados em Tomar:

Convento de Cristo

convento de cristoconvento de cristo

O Convento de Cristo é um patrimônio mundial que faz parte da lista de locais mais legais da história dos Templários. Ao visitar Tomar é primordial conhecer o Convento de Cristo.

Sua bela arquitetura e toda a história que o local conta são um grande atrativo para os visitantes de Tomar, o último refúgio dos Templários.

Castelo de Tomar

castelo de tomar

O Castelo de Tomar possui forte ligação com os Templários e ele se tornou patrimônio mundial por causa de toda a sua importância histórica e cultural.

Ele também é conhecido como o Castelo dos Templários e possui arquitetura medieval atrativa e elegante.

Mata Nacional dos Sete Montes

Mata Nacional dos Sete Montes

A Mata Nacional dos Sete Montes é o principal parque da cidade de Tomar, situada no centro, próxima a uma das principais avenidas, a Mata Nacional dos Sete Montes ocupa magníficos 39 hectares.

Ela é um dos locais mais legais de Tomar para se conhecer e apreciar. Com sua exuberante beleza, ela não deve ficar de fora do seu roteiro de viagens que contenha os atrativos de Tomar na lista.

A Mata Nacional dos Sete Montes era utilizada como rota dos Templários para chegar ao Convento de Cristo, ela também era uma área rica que utilizavam para plantio.

Convento de São Francisco

convento de cristo

O Convento de São Francisco é uma imponente construção de pedra que começou a ser construída em 1625 e foi concluída em 1660. Está localizado na praça ao lado da Estação Ferroviária.

Ele é revestido de azulejos do século XVII, possui uma Capela mor, Capelas laterais e pinturas sobre a vida de São Francisco de Assis e uma imagem de Jesus na Cruz.

Sinagoga

sinagoga

A Sinagoga de Tomar foi construída pela comunidade judaica em meados do século XV, se localiza bem no centro de Tomar, em uma rua estreita florida deslumbrante com a maravilhosa vista da Torre do Castelo.

Carrega entre suas paredes as histórias de vários judeus que encontraram um lar em Portugal e até hoje guardam as chaves de suas casas que não existem mais.

Ao visitar Tomar é primordial visitar a Sinagoga, totalmente conservada, seu principal objetivo é religioso, mas é um ótimo local para ser visitado por quem ama história ou gosta de apreciar bons lugares quando viaja.

Antiga Judiaria de Tomar

A Antiga Judiaria de Tomar é um bairro judeu onde os judeus eram obrigados a morar. O termo judiaria se define como ao local habitado em maioria por judeus.

As ruas da Antiga Judiaria de Tomar eram pavimentadas por pedras e durante a noite eram isolados da cidade. As casas da cidade eram simples, construídas de madeira.

Praça da República

praça da republica

A Praça da República tem um simbolismo histórico é um dos locais mais legais da história dos Templários. Ela apresenta o edifício dos Paços do Conselho e ao centro está a estátua do seu fundador Mestre Templário.

Não deixe de observar ao escurecer da noite as torres do Convento de Cristo de Tomar, é um belo local para tirar fotos inesquecíveis de sua viagem.

Corredoura

corredoura

A Corredoura é uma rua onde está situado o Café Paraíso, com 110 anos, onde passaram grandes nomes de personalidades importantes.

A Corredoura era o caminho que os Templários percorriam saindo do Convento de Cristo para dar água aos seus cavalos, hoje ela é chamada de Rua Serpa Pinto.

Rio Nabão

rio nabao

O Rio Nabão é muito importante para Portugal, foi a partir dele que a cidade de Tomar começou seu desenvolvimento. Ele possui águas límpidas que permitem apreciar a vista de cardumes.

Ele merece ser contemplado e apreciado, com muita vegetação ao seu redor que possibilitará momentos de tranquilidade e diversão com os familiares e amigos.

Vale a pena dar uma volta as margens do Rio Nabão para apreciar suas pontes modernas e antigas. Conhecer esse rio é uma viagem para o passado porque nele encontra-se o Mouchão de Portugal, local criado com o passar dos tempos que era utilizado para plantar e tinha uma roda para ajudar nessa função.

Roda do Parque do Mouchão de Tomar

Roda do Parque do Mouchão de Tomar

A Roda do Parque do Mouchão de Tomar é uma roda de rega agrícola que está funcionando até hoje, mas não é mais utilizada para a finalidade que foi criada.

Quando foi construída, a Roda do Parque do Mouchão de Tomar era utilizada para regar hortas e pomares. Atualmente ela se transformou em um belíssimo jardim e um ótimo local para ser

Com o avanço tecnológico e a mecanização dos motores de rega, a Roda do Parque do Mouchão de Tomar foi substituída. Hoje ela é apenas uma grande atração turística local.

Conhecer Tomar o último refúgio dos Templários é descobrir a importância dos templários para os avanços tecnológicos da sociedade e descobrir sua fascinante participação na história.

Itinereo

Um site de viagens com diversas dicas para você ecnomizar muito e fazer viagens inesquecíveis
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram