O que fazer em Sevilha Espanha

Sevilha-espanha

De uma forma geral, podemos dizer que Sevilha é a capital não oficial da Espanha que todos nós temos na cabeça, que é a Espanha das touradas, do flamenco e das tapas. No entanto, é um destino peculiar o que faz com que muita gente ainda se pergunte o que fazer em Sevilha.

Sevilha é a terra do barbeiro Fígado, também é a terra de Don Juan, o conquistador e a da cigana Carmen. No entanto, recentemente Sevilha ganhou uma nova representação, sendo a famosa Dorne, de Game of Thrones.

O que precisa ser dito é que a Sevilha da realidade não perde em nada para a da ficção, sendo um destino fantástico para se conhecer.

Então, se você está mesmo interessado e quer saber um pouco mais sobre o que fazer em Sevilha, continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber. Vamos lá?!

Quando irQuando-ir-casal-jovem-com-mapa-em-verão

De uma forma geral, o clima me Sevilha é continental, que é bem típico do sul da Espanha. Dessa forma, o tempo é agradável, com algumas pequenas variações entre estações.

Quem vai durante a primavera e o outono vai ter dias com muito sol e temperaturas amenas.

Já durante os meses e julho e agosto, as temperaturas são bem altas e não costuma chover. Os meses mais chuvosos de Sevilha ocorrem entre outubro e abril e a visita é pouco recomendada. No inverno, você terá as temperaturas mais amenas da Espanha.

Vale lembrar que existem alguns feriados nacionais ou regionais nos quais tudo fecha na cidade, incluindo instituições oficiais, lojas, bancos e etc.

Por isso, é interessante se informar bem sobre a época na qual você pretende visitar o país.

Como chegar

Sevilha tem um aeroporto, que fica a 12km da cidade e recebe voos das principais cidades espanholas, bem como de algumas capitais europeias.

A cidade recebe voos tanto de companhias aéreas regulares quanto de companhias Low cost, o que pode ser excelente para quem quer economizar.

Chegando ao aeroporto, você pode pegar um ônibus especial que conecta o aeroporto com o centro de Sevilha. Dependendo do trânsito, o trajeto dura de 20 a 30 minutos. Outra opção é pegar um taxi, que não é a opção mais barata.

Caso você já esteja em Barcelona ou Madri, outra opção é ir de trem mesmo, lembrando que a Espanha tem uma grande rede de transporte ferroviário

O que fazer em Sevilha

Sevilha é uma cidade histórica e belíssima, daquelas que você nunca mais esquece depois de visitar. O local tem um clima próprio e um ritmo bastante peculiar, marcado pela soneca depois do almoço.

Então, vamos conhecer algumas dicas sobre o que fazer em Sevilha:

  • Real Alcázar

Real-Alcázar

Essa é uma construção que foi cenário da série GOT, senod uma das primeiras atrações da lista de quem visita o lugar. O que pouca gente sabe é que às segundas-feiras a entrada é gratuita em um determinado horário.

  • Torre del Oro

Localizada às margens do Rio Guadalquivir, essa torre oferece uma vista maravilhosa da cidade de Sevilha. Foi dali que os espanhóis partiram rumo ao novo mundo e acabaram chegando às Américas.

  • Praça Espanha

Essa praça foi construída em 1929 e é lindíssima com seus elementos Art Decó. O lugar é lindo para algumas fotos e ideal para descansar um fim de tarde.

  • Catedral de SevilhaCatedral-de-Sevilha

No coração da cidade, essa é a maior catedral da Espanha e a terceira maior do mundo, construída em estilo gótico. Ela é Patrimônio da Humanidade da Unesco desde 1987.

  • Plaza de Toros

Embora a tourada não seja um grande atrativo para os brasileiros, o local em si é bonito e vale a pena conhecer para mergulhar na cultura local.

  • Metropol Parasol

Essa é uma construção que cria um enorme contraste com a cidade de Sevilha de uma forma geral, sendo um monumento moderno. Ele é um ícone dos novos tempos.

Museu-de-Belas-Artes-de-Sevilha

Sevilha é uma cidade de muitos atrativos e seria até complicado descrever todos aqui, então, conheça também as seguintes atrações:

  • Museu de Belas Artes de Sevilha
  • Centro Andaluz de Arte Contemporâneo
  • Arquivo Geral das Índias
  • Rio Guadalquivir
  • Casa de Pilatos
  • Parque Maria Luisa

Por fim, não deixe de aproveitar sua passagem pelo berço do flamenco para assistir a um show dessa dança, que é tão representativa desse destino.

Além disso, vale lembrar que existem muitas opções de realizar Tours a pé mesmo e isso é bem interessante para conhecer aquelas atrações que ficam perto!

Onde ficarCentro-Andaluz-de-Arte-Contemporâneo

A cidade de Sevilha é bastante agitada e isso se deve bastante pelo fato de ter muitos universitários. Então, se você está pensando em conhecer essa cidade, é bom escolher bem onde vai se hospedar.

Veja a seguir quais são as melhores regiões para ficar em Sevilha:

  • Centro e Santa Cruz: esses dois bairros são ótimos, visto que têm a maioria dos pontos turísticos e atrações da cidade. Mesmo assim, mantém ruas tranquilas com vias exclusivas para pedestres.
  • La Macarena: esse bairro tem o nome da Basílica de la Virgen de Madalena e se localiza na região centro-norte, sendo uma ótima opção para quem quer se hospedar na parte antiga de Sevilha e economizar.
  • La Cartuja: essa é uma pequena ilha do rio Guadalquivir, com edifícios mais modernos e opções de hospedagem acessível por causa da quantidade de universitários na região.
  • Triana: esse bairro fica do outro lado do rio citado acima e é cheio de mercados e lojas típicas da cidade, sendo considerado o berço do flamenco.

O que comer

Paella

Sem dúvidas, conhecer os sabores de uma cidade é uma das coisas mais fascinantes a se fazer em uma viagem. Isso porque a gastronomia é uma das melhores formas de conhecer as origens e entender a cultura de um país.

O fato é que os temperos espanhóis são verdadeiramente inesquecíveis, sendo impossível não salivar ao lembrar de algo que comeu por lá.

Então vamos ver a seguir alguns pratos típicos que você não pode deixar de experimentar e Sevilha:

  • Tapas: são pequenas porções de variados tipos de comidas, que podem ser degustados como uma entrada.
  • Churros: não é nada incomum encontrar espanhóis comendo um churros no café da manhã. Diferentemente dos nossos, os churros lá não são recheados e eles mergulham ele no chocolate.
  • Paella: a paella e outro prato muito típico da culinária espanhola, que é um tipo de arroz com muitos frutos do mar, preparada de uma forma muito típica, sempre com o “socarrat”, que é a crosta no fundo.
  • Gaspacho: uma especialidade, também chamada de sopa fria, esse prato consiste em um creme de tomate com legumes bem temperado.

Vida noturna

 

Vida-noturna

Como é comum em cidades com um grande número de universitários, Sevilha é uma cidade com boas opções de vida noturna.

Portanto, se você quer saber o que fazer em Sevilha, pode ter certeza de que conhecer a noite é uma delas.

O local tem uma atmosfera única, com palácios e edifícios históricos que criam o cenário ideal para aproveitar cada segundo.

Isso porque a cidade tem muitas opções para quem quer aproveitá-la depois que o sol se põe, que vão desde clubes, discotecas e até festas ao ar livre

O mais importante é sempre lembrar que não adianta sair de casa antes da meia noite, pois é perda de tempo. A noite por lá começa tarde.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre o que fazer em Sevilha na Espanha e como aproveitar essa cidade ao máximo!

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply